Inspiração a um Poema
LuliCoutinho
À MUSA MEU PREITO DE LUZ!
ASSIM


Inspirou-me teu poema!
FICOU-ME A DOER O PEITO
Sentindo no amor o apelo
AS SENSAÇÕES EM NOVELO
Tirou-me do chão em desvelo
TRAZEM-ME A ESTE PREITO
Mudou o sentido, hoje tema.

Da tua tarde em flor...
HOMENAGEM EM RESPEITO
Criei a expectativa do amor
ONDE ME LIBERTO DA DOR
Segui a estrada, o desejo!
PARA ME SENTIR O ELEITO
E nela encontrei o beijo.


Na profundidade do amplexo,
SINTO O CORPO PRECEITO
Provei da fruta a doçura...
E ESTA PAIXÃO SEM CURA
Ficou o perfume, a mancha escura,
É TUDO DE MENTE ACEITO
Que perpetuou em inegável sabor.


Na tua tarde em flor...
SOU DEMENTE SATISFEITO
Traguei-o em meu seio de afeto
NA BELEZA CRIO DIALECTO
Onde podes desabafar o peito
DESNECESSITO INTELECTO
Sentir a emoção da vida...
E SOU-ME ATÉ FICAR FEITO
No suave choro do amor.


LuliCoutinho
31/01/06
Assim
08/03/06


Publicado no Recanto das Letras em 09/03/2006

Arte e Formatação: Denise Moura

 

Voltar