Ah!... Poeta... Anjo do Amor
LuliCoutinho


Na ânsia de procurar-te, poeta!
A dizer-me teu cantar apaixonado
Aliviando-me das sombras da incerteza
Quedo-me a ti pela inspiração de anjo.

Sonho teus versos de encantamento
De tão puros, sinto-os nas entranhas!
Vejo-me voando sempre bem alto
Sinto-os reais, acariciada nas manhãs.

Vejo-te envolto em aura dourada
Roubo tua luz e me sinto amada
Ler-te encontrando-o em minh’alma
Surge a magia e me tens acariciada.

Anjo de rara sensibilidade. Oh!...Poeta...
Vislumbro teus versos meu beija-flor
Trago-o como filho amado em meus braços
Beijo-o amante, amigo a levar-me onde for.




Enamorado
Francisco Coimbra


sinto que o coração vive o amor
aspirando as palavras o poema
nu libertar-se dum ligeiro olor
feito da poesia dada neste tema


sem um segredo a não ser ilha
perdida no mar do nosso amar
lenta e produzida a maravilha
dum canto capaz de enamorar


matizes e cores não sonhadas
são agora realidade a descobrir
no despertar de novas alvoradas



arte pára e move o movimento
para iluminado este dia se abrir
num infinito e contínuo sentimento


12/06/07

 

Arte e Formatação: ElisaSantos
Wav: Diana Krall - Fly me to the Moon

 

Voltar