Telúrica
Todo eu...
LuliCoutinho
Francisco Coimbra


Iluminada de amor
nem penso enquanto te beijo
Recebo-te nua em flor
todo eu sou amor
Ansiosa por teus beijos
a ser deleite
Espero-te de volta, meu beija-flor.


Grande é o anseio
teu seio sei-o
Tomá-lo em meus braços
para abocanhá-lo
Guardá-lo no carmesim das flores
dos lábios em carícias
Tatuadas por teus beijos de amor.


Tal qual asas de borboletas
voo ao desejo beijo(s)
Transparentes e coloridas fitas
correndo o corpo em festa
Flores leves e por hora esmaecidas
acendendo chamas da língua
À tua espera, a torná-las multicor.

05/05/07
14/05/07

 

 

Telúrica
LuliCoutinho


Iluminada de amor
Recebo-te nua em flor
Ansiosa por teus beijos
Espero-te de volta, meu beija-flor.


Grande é o anseio
Tomá-lo em meus braços
Guardá-lo no carmesim das flores
Tatuadas por teus beijos de amor.


Tal qual asas de borboletas
Transparentes e coloridas fitas
Flores leves e por hora esmaecidas
À tua espera, a torná-las multicor.


05/05/07
 

Arte e Formatação: Elisa Santos

Voltar