A Tua Espera
LuliCoutinho



Ato-me as mãos a tua espera
Nego-me a voar outra esfera
Descanso meu sono exaurido
Outros jazem ao pó definitivo.



Velo tuas insônias iluminadas
Canto lágrimas por ti minadas
Pelo aroma do olhar serenado
Na cantiga do amor adorado.



Encosto minha cabeça a tua
Acaricio tua alma à ventura
A quimera que o vapor tênue
Sopre a gêmea e nos acentue.



E a flor se mostrará túmida
Aos jardins nevados de amor
Em rubros pelos e luz multicor
A rota do tempo consumida.


13/08/08



Tube by Mou
Tutorial by Natália
Arte e Formatação: Salete

 

 

Voltar