Cantigas de Adormecer
LuliCoutinho
 

De onde vem essa voz
Que trança o amor em nós
Em cantigas de adormecer?
 
Trazendo este teu canto
Batendo em minha porta
E a plena noite iluminar!
 
Penso que a dor inexiste
Num calor embriagante
Prendendo-me a tua luz.
 
Creio-te e amo esta fé!
No cintilar do teu rosto
No olhar doce que é teu.
 
Minha alma sente saudade
Meus dias choram maldade
Tão misteriosos e tristes!
 
E então necessito essa voz
O casto amor dentro de nós
Feito rendas de fino orvalho.
 
E é no silencio das noites
Meu amor em sede te tem
De vir em cristalinas fontes.
 

14/03/08
São Paulo - SP
www.lulicoutinho.com
 

 

 

Voltar