De Olhos Fechados
 
Luli Coutinho
 
Sonho acordada em teu silêncio!
O mundo se faz em nuvens de algodão
Sou qual um passarinho voando longe
E como uma pétala que voa um jardim
Sinto o vento, a chuva cantando em mim

 
Trago a rosa, a memória, um sonho!

 
Tantos devaneios irreais navegantes em ti
Sigo distraída a te amar na surdez da noite
Exposta ao teu corpo, pele, tuas mãos...
São teus olhos de eternidade aqui!

 
Vejo um arco-íris, ramos de amor!

 
Penetrante em meus poros a música doce
Tão ao longe querendo alcançá-la
Límpida nota que me sinto amá-la
Confundo-a com o canto do rouxinol

 
Sinto a prata do orvalho, a calma!

 
A Lua no horizonte jaz cansada
Esmaece a noite estrelada, as fadas do céu
Dando lugar aos arroubos alaranjados do arrebol
De olhos fechados, em teu colo, recebo o Sol!

 
 
02/03/11
São Paulo - SP
 
 
 
 
 
 
 
 
Tube Tocha
Jpg walpapaer 4124494
 
 
 
 
 
 
 
VOLTAR