Lua

LuliCoutinho

Nua de prata, infinita
Aura furta-cor, bendita
Em todas as fases, bonita
Magnífica!

Inspira versos de carícia
Sonhos de lua, oh delícia
Sabes da tua beleza
És purpurina!

Lua, tu és mulher
Doce, fiel, linda
E quem não a quer?

Ilumina minh'alma de luz!

São Paulo - SP
24.04.12


Primeiro Exercício Poético AVBAP http://www.academiavirtualbrasileiraalmaartepoesia.com/

Minha participação
abril/2012

Logopéia
Uma das três Esferas Poéticas:
capacidade reflexiva da linguagem poética.



Enviado por LuliCoutinho em 28/04/2012
Reeditado em 28/04/2012
Código do texto: T3638605
 
 
 
 
 
Tubes Ann
Wav: /billy_vaughn/moon_over_naples
Tutorial Mara Pontes Tag The guardian