No Luar... Lilases de Dulçor
 
Luli Coutinho
 
Cheia, nua, linda e plena!
Entre os eucaliptos te tornaste mais bela
Um colar de pérolas a espera do amanhecer!
 
E a noite cresce inglória ao teu fulgor
Dançando no vento como um prisma
Brilhando o frio da madrugada em torpor
 
Os ares nebulosos se entrelaçam
Formando desenhos abstratos instigantes
Um mistério de cores azulejadas de amor
 
Num encanto que me fascina a alma,
Cria uma energia em meu pequeno corpo
Arrepios e êxtases de prazer absoluta cor
 
Eis-me a teus pés em oração, oh Lua!
A singela inspiração que me tens absoluta
Ao deitar meu sono em teus lilases de dulçor
 
Taiaçupeba
Mogi das Cruzes - SP
20/05/11
 
 
 
Publicado no Recanto das Letras em 20/05/2011
Código do texto: T2983071
 
 
 
 
 

 
Tube Claudia Viza
 
 
 
 
 
 
 
 VOLTAR