Solidão
 
LuliCoutinho
 
Aquela estrela brilhante
Raiada de luz e cristal
Trouxe um calor onipotente
Aos murmúrios da minha dor.
 
Como um acalanto, adormeço!
Os suspiros acariciantes da luz
Penetram afagos ao peito e amor
No entrelace de alegria e dor.
 
Confundem meus ais
Ora doce, agridoce, sal!
Onde tudo se acaba no mar
Nas margens da solidão.
 
Adormeço seus raios de luz
Oh, tristeza! Navega neste mar imenso
Entre asas de um pássaro azul sereno
Dissolva-se em névoas e brumas ao vento.
 
 
Enviado 23/10/2006
Reeditado em 09/02/2007
Código do texto: T271777
 
 
 
 
 
 
Tubes Denise Worisch/Nan Hoelzle
Wav: Australian CrawlReckless
Tutorial New Word Hilda Rosa
 
 
 
 
 

 
 
 
 
 
VOLTAR