Tramas
 
LuliCoutinho
 
Enlaço-me, me entrelaço
Nas tramas sutis do destino
Me envolvo, me enrosco
Deixo-me levar.
 
Carrego uma mala
Cheia de pedras, resignada...
Um peso inútil, quase inerte
Sem objetivo algum.
 
Elucidando minha maturidade
Tento não me arrastar
Tento aprender, desatar os nós
Tento não sorver, abster.
 
Este fantasma que me persegue
Que me torna vulnerável
Vai abortar de mim
Vou tentar ser mais feliz.
 
 
 
Reeditado em 06/02/2008
Código do texto: T3312
 
 
 

 

Tube Sorensen Desingers

 

  

VOLTAR