IDEIAS NUAS

João Coelho Santos

 

  

Vou ver se visto minhas ideias

Pois hoje as encontrei muito nuas

E não as posso levar a praças ou ruas.

  

Muitas vitórias não são conquistadas

Por se desistir da luta.

  

De meus erros fiz uma corrente

De elos entrelaçados,

Gémeo de mim, anda outro eu

Em tantas despedidas e recomeços.

 

Fiz uma pausa, esperei um pouco

E o ansiado verso não apareceu.

Porquê? Quem o calou?

Porque emudeceu? Quem é o culpado?

 Serei eu?

  

Julguei-me perdido, mas reencontrei-me

Ao abraçar a sombra fugidia.

Nascia a noite, morria o dia…

 

  

in: PÁTRIA TRISTE

a ser lançado 17 outubro na

Reitoria da Universidae de Lisboa

 

 

 

Tutorial de Grisi

Tube: Claudia Viza

Paisagem: imagens da internet

Midi: Amanhecer, da Suite Peer Gynt - Edvard Grieg

 

 

 

 

 

 

 

 

 

VOLTAR