desertos...

                                               M.Flores (Millie)

 

 

 

 

 

perambulo por desertos

em eterna procura...

 

no coração

um vazio inexplicável...

 

diante da dor

o martírio da saudade...

 

silêncio...

 

a solidão instala-se

sem pedir licença...

 

areias quentes sob os meus pés

aumentam minha dor...

 

quem chama?

 

a dúvida cresce

e a noite clama por suas sombras...

 

medo...

 

ouço ao longe

o canto do mar...

 

caminho desnorteada

em direção ao nada...

 

e no limite...

 

o mar me acolhe

e em seu balanço sonho...

 

transportando-me aos teus braços

para tentar ser feliz...

 

 

 

 

 

 

 

 VOLTAR