Saio do meu mundo de sonhos
Para voltar à realidade...
Confissões, aqui eu ponho,
Abrindo a página da verdade...
 
Quando disse que iria a Tokio,
Mentindo não estava não!
Tokio é apelido carinhoso de minha terra,
E não a capital do Japão.
 
Quando começaram a me dizer
Coisas engraçadas e carinhosas,
A respeito da "suposta" viagem,
Substituí a causa desse deslocamento,
Para brincar um pouco e ter prazer,
Ocultando meu sofrimento,
Porque a viagem era por meu irmão,
Que estava enfermo,
Precisando de mim e do meu coração...
 
Vim e estou aqui há mais de três anos,
E, nem no assunto da viagem toquei,
Nem as fotos pedidas enviei,
Mesmo porque, como fazer...?
 
Só me restava calar, fugir...
E sonhar...
Espero que entendam
E possam me perdoar!
 
O mais sério, a meu ver,
Foi a "confusão" sobre a gravidez!
Foi tanto carinho recebido,
Tantas recomendações de cuidados,
Tanta atenção e prazer,
Que levei tudo adiante, de vez.
 
Peço-lhes de joelhos perdão.
Mas, não foi mentira não,
Os meninos existem,
houve apenas "omissão".
 
Trouxe-os, depois de muitas lutas
E sofrimentos, pois não queriam
Permitir que viessem...
 
 Depois de doze meses,
Com pensamento firme nesse objetivo,
Pedi diretamente a Jesus,
Sua Ajuda, na Noite de Natal,
Guiada por uma Luz, 
Que me desse de presente,
Aquelas duas criaturinhas,
Tão indefesas e já carregando uma cruz...
 
 
São dois menininhos lindos,
Amorosos, companheiros e amigos,
Que acabaram com meu sofrer infindo,
Trazendo na bagagem, a felicidade,
Para morar comigo...
 
São meus queridos netinhos,
Um de dez, outro de seis, aninhos.
Não nasceram de mim,
Mas são meus filhos de coração...
 
Não são gêmeos,
Porém, é como se fossem então,
Já que pra mim, chegaram no mesmo dia...
Para alegrar meu coração !!!
 
Não sei como me receberão,
O que de mim vão pensar.
Mas espero seu perdão
E que continuem a me amar...
Foi tudo um ledo engano,
Que deixei prolongar...
 
Beijos e carinhos,
Cássia (La Femme)
 
 
 
Arte e Formatação:
AugustaBS
 
 
 
 
 
 
 
 
 
 
VOLTAR